Caça às bruxas

Caça às bruxas

Ficha técnica


Avaliação do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 19 votos

Vote aqui


Locais de filmagem


Sinopse

Soldado desertor das Cruzadas, no século XIV, recebe o pedido de um cardeal para que conduza uma moça, suspeita de ser bruxa, para ser submetida a um ritual.


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crítica Cineweb

21/01/2011

É difícil entender as frequentes escolhas de Nicolas Cage por papeis que nada acrescentam à sua carreira cinematográfica e não fazem jus ao seu talento como ator oscarizado (por Despedida em Las Vegas, em 1995). Caça às Bruxas,  dirigido por Dominic Sena, é o exemplo mais recente. No papel de um soldado desertor das Cruzadas, no século XIV, Cage parece ter saído de um filme do grupo inglês Monty Python e estar perto de cometer as patetadas mais absurdas e divertidas.

Infelizmente para o espectador, o papel de Cage é levado com seriedade. Ele é Behmen, um cruzado que perdeu a fé ao ver soldados a seu lado assassinando mulheres e crianças nas batalhas religiosas em vários continentes. Ao retornar para a Europa, na companhia de Felson (Ron Perlman), encontra por onde passa povoados arrasados pela peste negra.
 
Para o cardeal D’Ambroise (Christopher Lee, irreconhecível pela maquiagem que deixa seu rosto completamente deformado pela peste), em seus últimos momentos de vida, a culpa é da prática da feitiçaria. Reconhecendo-os como cruzados, o chefe religioso pede  aos dois amigos que ajudem a salvar sua cidade amaldiçoada, levando uma jovem (Claire Foy), suspeita de ser bruxa, para ser submetida a um ritual num mosteiro distante, que livrará a todos da praga.
 
Behmen concorda com relutância em aceitar a missão, provavelmente atraído pelos belos olhos da garota. Talvez ela não seja uma bruxa. Mas, durante o percurso, na companhia de um padre e mais quatro companheiros, verá que ela possui estranhos poderes, que colocam a viagem em risco.
 
Surpresas maiores e cada vez mais absurdas esperam o grupo no mosteiro, onde está previsto o ritual purificador, como uma ação digna de vale tudo entre Felson e uma entidade maligna, com troca de cabeçadas. Mas podia ser pior. Pelo menos, como lembra a crítica americana Jeannette Catsoulis, não se pensou em lançar uma versão 3D.

Luiz Vita


Comente
Comentários:
  • 27/01/2011 - 22h38 - Por Emerson Nicolas Cage já era. Li em algum lugar que ele está falido e cheio de dívidas, vai ver é por isso que anda fazendo tantas bombas
  • 28/01/2011 - 09h20 - Por Juliana O cara faz filme porque gosta, já tem muita grana já, além do que é muito talentoso, vamo para de criticar e assistir o filme primeiro. UGH!
  • 08/03/2011 - 17h14 - Por Gabriel Moraes Caça as Bruxas é uma incógnita. Afinal de contas, o que pretende o filme em si? É uma mistura de suspense malfeito( com a técnica mais que ultrapassada do uso do sobrenatural)com épico ( as grandes cruzadas) e um certo humor patético.O final do filme chega a ser tão ridículo que em vez de nos fazer sentir medo ou ansiedade(provavelmente o objetivo do diretor)nos faz morrer de rir com o nível de surrealismo e falta de criatividade. Um filme para se esquecer assim que vc sair da sala.
  • 06/04/2011 - 17h56 - Por Otávio Juliana, certos filmes são que nem ovo podre: não é preciso comer pra provar que é ruim, pois o negócio fede a quilómetros de distância.

    Claro que ocorre de nos enganarmos (eu já me enganei, tanto pro bem quanto pro mal). Contudo, vamos combinar: são lançados milhares de filmes por mês, então algum(s) critério(s) devemos adotar na hora de escolher quais veremos. Confesso que meus critérios costumam funcionar.
Deixe seu comentário:

Imagem de segurança