Triplo X

Ficha técnica

  • Nome: Triplo X
  • Nome Original: XXX
  • Cor filmagem: Colorida
  • Origem: EUA
  • Ano de produção: 2002
  • Gênero: Ação
  • Duração: 123 min
  • Classificação: 14 anos
  • Direção:
  • Elenco:

Avaliação do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 2 votos

Vote aqui


País


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crítica Cineweb

10/03/2003

O bom e velho Schwarzenegger está realmente ficando velho e Hollywood começa a procurar brutamontes mais jovens para substituí-lo à altura e largura. Os filmes de ação de Arnie levam cada vez menos público aos cinemas, por mais pirotecnias com efeitos especiais e violência empregadas. Na verdade faltam bons roteiros para o ex-fisiculturista austríaco voltar a brilhar dentro dos magérrimos recursos de que dispõe como ator.

Uma tentativa já foi posta em prática com o antigo lutador Dwayne "The Rock" Johnson, que exibe sua musculatura em O Escorpião Rei, num misto de aventura e comédia. Desta vez, outro grandalhão, agora de cabeça raspada, num figurino "skinhead-sangue-bom", é escalado para dar bordoadas e arrancar algumas risadas da platéia no grande sucesso da temporada americana Triplo X.

Vin Diesel já havia agradado aos produtores como o vilão de Velozes e Furiosos. Em Triplo X, que invade os cinemas brasileiros com 377 cópias, ele é Xander, uma espécie de ciber-anarquista que adora os efeitos da adrenalina ao praticar arriscados esportes radicais, como roubar o carro de um ricaço, fugir da perseguição policial e jogar o automóvel de uma ponte, lançando-se de paraglider para ser resgatado por amigos que filmam todas as peripécias para um site na Internet.

O que ele não sabe é que será usado como cobaia pelo policial Augustus Gibbons (Samuel L. Jackson, tentando sair com alguma dignidade do papel em que o colocaram) para desvendar um complicado plano de um ex-militar russo que desenvolve uma arma mortífera para ser lançada de um submarino em plena capital da República Checa.

Na mente nada brilhante do policial e dos roteiristas que criaram a história, apenas alguém do submundo, como Xander (que tem três x tatuados no pescoço e por isso é apelidado de Triplo X), poderia se infiltrar na organização. Xander é seqüestrado pelos policiais e testado exaustivamente em situações de perigo para poder se incumbir do papel. Sem saber o que está acontecendo, é jogado de pará-quedas num campo de traficantes colombianos e tem de arranjar meios para se livrar da enrascada em que o meteram. Um pouco a contragosto, concorda em ajudar seu país a conter o avanço dos terroristas.

A partir daí o que se vê é Triplo X em ação, se infiltrando no grupo, se apaixonando por uma bela russa, atirando em adversários, explodindo carros e motos, fugindo na neve com um simples snowboard. Na linha espionagem-trash, Austin Powers é mais divertido. De positivo, resta a oportunidade de ver belas cenas de Praga com suas pontes lindísssimas e seus castelos encantados. De preocupante a certeza que virá uma continuação.

Cineweb-6/9/2002

Luiz Vita


Deixe seu comentário:

Imagem de segurança