Maria e João - O conto das bruxas

Ficha tcnica


Avaliao do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 7 votos

Vote aqui


Pas


Sinopse

Em busca de um convento onde conseguir ajuda, a adolescente Maria e seu irmão caçula João estão morrendo de fome, quando encontram uma casa no meio da floresta repleta de guloseimas. Ali mora uma bruxa sedenta por criancinhas.


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crtica Cineweb

29/01/2020

A clássica história de João e Maria ganha uma releitura com aspirações feministas nas mãos do diretor Oz Perkins, que, por isso, inverte a ordem no título, transformando Maria e João – O Conto das Bruxas na história de amadurecimento e empoderamento de uma garota. É uma premissa que cobra um preço alto que nem todos irão comprar, mas também é inegável o esmero visual do longa – como é comum nas obras de Perkins –, que tem fotografia assinada pelo mexicano Galo Olivares, que colaborou na fotografia de Roma.
 
Dos irmãos Grimm, o longa mantém a dupla de irmã e irmão – interpretados por Sophia Lillis (It) e o estreante Sammy Leakey, que, se perdem na floresta e, famintos, encontram uma casa de doces no meio da floresta. Colocando Maria um pouco mais velha que o irmão – as idades são 16 e 8, respectivamente –, Perkins dá a ela protagonismo e poder de ação, deixando o pequeno João um tanto de lado nesse processo da menina se transformando em mulher.
 
A trama se passa em tempos sombrios e de crise. Maria é entrevistada para trabalhar como empregada num castelo, quando o patrão em potencial pergunta sobre sua virgindade. A garota não se curva às investidas e não consegue o emprego, obrigando sua mãe, tomada pela loucura, a colocar as crianças para fora de casa, saindo pela floresta em busca de um convento que as protegerá. No caminho, encontram criaturas parecidas com zumbis e são salvas por um caçador (Charles Babalola). Isso dura pouco, e logo estão presas a uma casa repleta comidas e guloseimas.
 
É aí que o filme começa. O roteiro assinado por Rob Hayes vai e volta no tempo, permitindo contar não apenas a história de Maria como da bruxa Holda (Alice Krige, excelente no papel), a dona da casa, que tem planos sinistros para a dupla de irmãos. O que vem depois é mais ou menos conhecido, mas as opções do diretor e do roteiristas clamam por alguns ajustes à trama famosa para adequar às sensibilidades do presente.
 
Apesar do apelo de conto de fadas infantil, o clima soturno de Maria e João..., evidentemente, torna-o um filme para adolescentes e adultos, possivelmente, para uma faixa bem específica. Este não é um terror convencional, não é de dar sustos, mais interessado em criar clima. Repleto de silêncios, pode desagradar aos mais afoitos.

Alysson Oliveira


Trailer


Deixe seu comentrio:

Imagem de segurana