Notícias

Olhar de Cinema trará ao Brasil obras da diretora chilena Camila José Donoso

Publicado em 14/04/19 às 10h50

No próximo 8º Olhar de Cinema - Festival Internacional de Curitiba, a Mostra Foco trará ao público da capital paranaense a obra da cineasta chilena Camila José Donoso. Esta será a primeira retrospectiva da diretora no Brasil, com uma seleção de curtas e todos os seus longas-metragens. Trabalhos que influenciaram a carreira da homenageada também integram a seleção. O festival acontece de 5 a 13 de junho.
 
A própria cineasta define seus títulos como “transficções”. Sua filmografia desafia os limites entre a ficção e o documentário, reconhecendo as possibilidades no limiar de cada um dos gêneros: encena histórias reais e naturaliza ficções. A potência de suas obras ultrapassa linguagem e estilo e é ainda mais marcante na temática, com mulheres que estão sempre buscando novas verdades, que desafiam suas realidades, seus espaços e definições externas contaminadas.
 
“Camila é uma cineasta que se arrisca por caminhos não tradicionais do cinema, sem perder de vista a importância de estabelecer uma comunicação muito sensível com sua audiência”, afirma o diretor geral e artístico do festival, Antônio Junior. “Seus filmes revelam uma inquietação pela busca de intimidade com os personagens, ao mesmo tempo em que exploram caminhos dentro da potência cinematográfica para unir forma e conteúdo, de modo que as respectivas histórias e personagens se fortaleçam”, complementa ao falar sobre a filmografia da realizadora.
 
Camila virá a Curitiba especialmente para o Olhar de Cinema, onde debaterá seus filmes após as sessões. Ela também participará de uma conversa aberta com o público, onde falará sobre seus processos criativos e exibirá curtas-metragens de diferentes momentos da carreira.
 
Confira a lista dos filmes já confirmados da Mostra Foco do 8º Olhar de Cinema:
 
Camino Gris (dir. Camila José Donoso, Chile, 2007, 8min)
Nona (dir. Camila José Donoso, Chile, 2014, 10min)
Naomi Campbell (dir. Camila José Donoso e Nicolás Videla, Chile, 2013, 82min)
Casa Roshell (dir. Camila José Donoso, México/Chile, 2017, 71min)
Nona. Se mi mojan, yo los quemo (dir. Camila José Donoso, Chile/Brasil/França/Coréia do Sul, 2019, 86min)
Sueños de hielo (dir. Ignacio Agüero, Chile, 1993, 55min)
Ninouche (dir. Valérie Massadian, França, 2011, 24min)
T.R.A.P (dir. Manque La Banca, Argentina, 2018, 16min)
 
 
SERVIÇO
 
8º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba
De 5 a 13 de junho
http://olhardecinema.com.br

Outras notícias