21/04/2024

Com 4 prêmios, “Represa” é o grande vencedor do Festival de Vitória 2023


O grande vencedor do Festival de Vitória na mostra de longas foi o filme Represa (foto), de Diego Hoefel, que levou quatro troféus Vitória: Melhor Filme (Júri Técnico), Melhor Direção, Melhor Roteiro (Aline Portugal, Diego Hoefel e Marcelo Grabowsky) e Melhor Fotografia (Daniel Correia). O Troféu Vitória de Melhor Interpretação foi para Mel Rosário por Toda Noite Estarei Lá, de Suellen Vasconcelos e Tati Franklin, filme que também recebeu o Troféu Vitória de Melhor Filme pelo Júri Popular. O Júri Técnico da mostra foi composto pelo diretor Lírio Ferreira; pela pesquisadora, crítica, curadora e roteirista, Viviane Pistache; e pela atriz, roteirista e cineasta, Julia Katherine.


O vencedor do Troféu Vitória de Melhor Filme na 27ª Mostra Competitiva Nacional de Curtas pelo Júri Técnico foi Ramal, de Higor Gomes. Já o Troféu Vitória de Melhor Filme pelo Júri Popular foi a produção capixaba Remendo, de Roger Ghil, que também ganhou o prêmio de Melhor Direção. O prêmio de Melhor Interpretação foi para Ana Clara Barros Barcelos, de O Último Rock, de Diego de Jesus. O Júri Técnico da mostra foi formado pelo jornalista, curador, pesquisador e crítico de cinema André Dib; pela
fotógrafa, diretora e roteirista Safira Moreira; e pelo roteirista e diretor, Marcos Carvalho.

Diego Hoefel, diretor do flme "Represa" vencedor de melhor direção, filme, foto e roteiro
Crédito: Neusa Barbosa

Também foram entregues o Troféu Vitória de Melhor Filme (Júri Popular e Júri Técnico) para os filmes que participaram das seguintes mostras: 13ª Mostra Quatro Estações, 12ª Mostra Foco Capixaba, 12ª Mostra Corsária, 10ª Mostra Outros Olhares, 8ª Mostra Cinema e Negritude, 8ª Mostra Mulheres no Cinema, 7ª Mostra Nacional de Videoclipes, 6ª Mostra Nacional de Cinema Ambiental e 5ª Mostra Do Outro Lado.
Os curtas-metragens exibidos no 23º Festivalzinho de Cinema de Vitória concorreram ao Troféu Vitória de Melhor Filme pelo Júri Popular.

PRÊMIO CANAL BRASIL DE CURTAS

O júri, composto por jornalistas e críticos de cinema convidados pelo Canal Brasil, escolheu o filme O Último Rock, de Diego de Jesus, para receber o Prêmio Canal Brasil de Curtas. A produção capixaba recebeu o Troféu Canal Brasil e um prêmio no valor de R$ 15 mil, além de ir para a grade do canal, que exibe curtas-metragens diariamente em sua programação.

O 30? Festival de Cinema de Vitória conta com o patrocínio do Instituto Cultural Vale, da Petrobras e da ArcelorMittal, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura. Conta com o apoio do Canal Brasil, do Canal Like, da Universidade Federal do Espírito Santo, do Cine Metrópolis, da Rede Gazeta, da Carla Buaiz Jóias e do Sesc Glória. Conta também com o patrocínio institucional do Banestes. A realização é da Galpão Produções e do Instituto Brasil de Cultura e Arte (IBCA).

30º FESTIVAL DE CINEMA DE VITÓRIA
TROFÉU VITÓRIA - PREMIADOS

13ª MOSTRA COMPETITIVA NACIONAL DE LONGAS
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Represa, de Diego Hoefel

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Toda Noite Estarei Lá, de Suellen Vasconcelos e Tati Franklin

Troféu Vitória – Melhor Direção
Represa, de Diego Hoefel

Troféu Vitória – Melhor Roteiro
Aline Portugal, Diego Hoefel e Marcelo Grabowsky por Represa, de Diego Hoefel
Troféu Vitória – Melhor Fotografia
Daniel Correia por "Represa", de Diego Hoefel

Troféu Vitória – Melhor Contribuição Artística
Incompatível Com a Vida, de Eliza Capai

Troféu Vitória – Melhor Interpretação
Mel Rosário por Toda Noite Estarei Lá, de Suellen Vasconcelos e Tati Franklin

Menção Honrosa - Melhor Interpretação
Gilmar Magalhães por sua atuação em Represa, de Diego Hoefel

27ª MOSTRA COMPETITIVA NACIONAL DE CURTAS
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Ramal, de Higor Gomes

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Remendo, de Roger Ghil

Troféu Vitória – Prêmio Especial do Júri
Deixa, de Mariana Jaspe

Troféu Vitória – Melhor Direção
Roger Ghil por Remendo

Troféu Vitória – Melhor Roteiro
Clara Anastácia por Escasso, de Clara Anastácia e Gabriela Gaia Meirelles

Troféu Vitória – Melhor Fotografia
Willian Rubim por Procuro teu Auxílio Para Enterrar um Homem, Anderson Bardot

Troféu Vitória – Melhor Contribuição Artística
Davi Kopenawa Yanomami e aos yanomamis, por Mãri Hi - a árvore do sonho, de Morzaniel Iramari

Troféu Vitória – Melhor Interpretação
Ana Clara Barros Barcelos por O Último Rock, de Diego de Jesus

PRÊMIO CANAL BRASIL DE CURTAS
O Último Rock, de Diego de Jesus

23º FESTIVALZINHO DE CINEMA DE VITÓRIA
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Amei Te Ver, de Ricardo Garcia

13ª MOSTRA QUATRO ESTAÇÕES
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Os Animais Mais Fofos e Engraçados do Mundo, de Renato Sircilli

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Ferro’s Bar, de Aline A. Assis

12ª MOSTRA FOCO CAPIXABA
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Mångata – Todas as Fases da Lua, de Marcella Rocha

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
O Passarinho Menino, de Ursula Dart

12ª MOSTRA CORSÁRIA
Troféu Vitória (Júri Técnico - sem ordem classificatória)
Capuchinhos, de Victor Laet
Desmonte, de Clara Pignaton e Hugo Reis
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Capuchinhos, de Victor Laet

10ª MOSTRA OUTROS OLHARES
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
No Início do Mundo, de Gabriel Marcos

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Arrimo, de Rogério Borges

8ª MOSTRA MULHERES NO CINEMA
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Lei da Mordaça, de Isabella Vilela

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Azul da Cor do Mar, de Natália Dornelas

8ª MOSTRA CINEMA E NEGRITUDE
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Mergulho, de Marton Olympio

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Firmina, de Beatriz Barreto

Menção Honrosa - Filme
Avôa, de Lucas Mendes

7ª MOSTRA NACIONAL DE VIDEOCLIPES
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Copo de Silêncio, de Farofa Sintética

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Cornélios, de Hecthor Murilo e Patrick Gomes

6ª MOSTRA NACIONAL DE CINEMA AMBIENTAL
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Vãhn Gõ Tõ Laktãnõ, de Barbara Pettres, Flávia Person e Walderes Coctá Priprá

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Memórias do Fogo, de Rita de Cássia Melo, Leandro Olímpio e Irineu Cruzeiro Neto

5ª MOSTRA DO OUTRO LADO – CINEMA FANTÁSTICO
Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Técnico)
Lá Purse, de Gabriel Nóbrega e Lucas René

Troféu Vitória – Melhor Filme (Júri Popular)
Encruzilhadas do Caos, de Alexandre S. Buck