20/02/2024

Cinemateca Brasileira traz mostra sobre Cinema Novo e Cinema Marginal

Entre os dias 15 e 25 de fevereiro, a Cinemateca Brasileira apresenta uma mostra dedicada a dois movimentos importantes da filmografia nacional: o Cinema Novo e o Cinema Marginal. O Cinema Novo (anos 1960), ligado à renovação da linguagem cinematográfica brasileira a partir de um realismo crítico, e tinha como objetivo, também, ter um impacto político concreto a partir da mobilização das massas. O Cinema Marginal (anos 1960-1970) foi caracterizado por filmes radicais e experimentais, de forma a expor as incoerências da realidade brasileira a partir de paisagens, personagens e temáticas marginalizadas. O ponto de embate entre os dois movimentos reside no fato de os cineastas “marginais” se desapontarem com o rumo do Cinema Novo, cada vez mais preocupado em atingir um grande público e realizar “espetáculos” cinematográficos, deixando de lado o cinema de autor.

A mostra possbilibitará evidenciar esses embates entre os dois movimentos, sendo complementada por um curso ministrado pelo Prof. Dr. Eduardo Morettin, da Escola de Comunicações e Artes (USP), e pesquisador da história do cinema brasileiro, com especial ênfase no período da ditadura civil-militar.

O curso terá quatro aulas, nas quais serão discutidos filmes dos dois movimentos cinematográficos. Parte das vagas será distribuída por meio de inscrição prévia em formulário disponibilizado no site da Cinemateca Brasileira, e o restante distribuído uma hora antes do início de cada aula na bilheteria.

O curso será gravado e transmitido ao vivo pelo canal da Cinemateca Brasileira no Youtube. Tanto presencialmente quando online será acompanhado de tradução simultânea em Libras.

A programação é gratuita e os ingressos são distribuídos uma hora antes de cada sessão.

 

SOBRE O CURSO CINEMA NOVO E CINEMA MARGINAL

Os filmes discutidos ao longo do curso serão exibidos dentro da mostra, logo antes de cada aula. É fundamental tê-los assistido para o acompanhamento e bem aproveitamento do curso.

 

Curso inteiramente gratuito.

150 vagas distribuídas por ordem de inscrição neste formulário (a confirmação de inscrição será enviada por e-mail). As vagas serão reservadas somente até o início das aulas, depois disso serão liberadas para a lista de espera.

50 vagas adicionais distribuídas por ordem de chegada 1h antes do início de cada aula.

O certificado será distribuído somente para inscritos neste formulário e que comparecerem a pelo menos 3 aulas.

O curso contará com tradução simultânea em Libras.

O curso será totalmente e transmitido ao vivo pelo canal da Cinemateca Brasileira no Youtube. Este formulário é apenas para a modalidade de participação presencial.

 

Aula 1

15/02 (18h - 19h)

Discussão sobre Deus e o Diabo na Terra do Sol (Glauber Rocha, 1964)

 

Aula 2

16/02 (18h - 19h)

Discussão sobre Terra em transe (Glauber Rocha, 1967)

 

Aula 3

22/02 (18h - 19h)

Discussão sobre os curtas Maioria absoluta (Leon Hirszman, 1964), A entrevista (Helena Solberg, 1966) e Blablablá (Andrea Tonacci, 1968)

 

Aula 4

23/02 (18h - 19h)

Discussão sobre O bandido da luz vermelha (Rogério Sganzerla, 1968)

 

CINEMATECA BRASILEIRA

Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Vila Mariana

Horário de funcionamento

Espaços públicos: de segunda a segunda, das 08 às 18h

Salas de cinema: conforme a grade de programação.

Biblioteca: de segunda a sexta, das 10h às 17h, exceto feriados

Sala Grande Otelo (210 lugares + 04 assentos para cadeirantes)

Sala Oscarito (104 lugares)

Retirada de ingresso 1h antes do início da sessão

 

PROGRAMAÇÃO DA MOSTRA

QUINTA-FEIRA, 15 DE FEVEREIRO

16h, na Grande Otelo: Deus e o diabo na terra do sol

Brasil (RJ)1964 118 min P&B 14 anos

Direção: Glauber Rocha

Elenco: Geraldo del Rey, Yoná Magalhães, Othon Bastos, Maurício do Valle

Sinopse: Manuel é um vaqueiro que se revolta contra a exploração imposta pelo coronel Moraes e acaba matando-o numa briga. Ele passa a ser perseguido por jagunços, o que faz com que fuja com sua esposa Rosa. O casal se junta aos seguidores do beato Sebastião, que promete o fim do sofrimento através do retorno a um catolicismo místico e ritual. Simultaneamente, o matador de aluguel Antônio das Mortes, a serviço da Igreja Católica e dos latifundiários da região, extermina os seguidores do beato.

 

18h30, na Grande Otelo: Curso | aula 1

 

19h45, na Oscarito: Tocaia no asfalto

Brasil (BA) 1962 100 min P&B 18 anos

Direção: Roberto Pires

Elenco: Agildo Ribeiro, Araçary de Oliveira, Antônio Pitanga, Geraldo del Rey, Othon Bastos

Sinopse: Um pistoleiro é contratado para matar um político corrupto. Porém, o acordo é cancelado. Apesar de ser um matador, o homem leva seu trabalho a sério e prefere ir até o fim.

 

SEXTA-FEIRA, 16 DE FEVEREIRO

16h, na Grande Otelo: Terra em transe

Brasil (RJ) 1967 107 min P&B 14 anos

Direção: Glauber Rocha

Elenco: Jardel Filho, Glauce Rocha, José Lewgoy, Paulo Autran, Paulo Gracindo

Sinopse: Eldorado, país fictício da América Latina, encontra-se entre o golpe de Estado e o populismo, entre a crise e a transformação. Paulo, poeta e jornalista tenta provocar mudanças políticas, influenciando homens poderosos.

 

18h30, na Grande Otelo: Curso | aula 2

 

19h45, na Oscarito: Memória de Helena

Brasil (RJ) 1969 80 min Cor/P&B 14 anos

Direção: David Neves

Elenco: Adriana Prieto, Arduino Colasanti, Rosa Maria Pena, Olga Danitch, Neyla Tavares, Mair Tavares

Sinopse: Num apartamento carioca, Rosa e Renato recordam suas ligações com Helena, através de um diário deixado pela moça e alguns filmezinhos domésticos: o início da amizade com Rosa, o aparecimento de Renato e o namoro, o cotidiano de Helena em Diamantina, seus passeios com a empregada Inês, seus gatos, seus recantos privados e a desilusão final.

 

SÁBADO, 17 DE FEVEREIRO

15h, na Oscarito: O bravo guerreiro

Brasil (RJ): 1968 77 min P&B 14 anos

Direção: Gustavo Dahl

Elenco: Paulo César Peréio, Mário Lago, Ítalo Rossi, César Ladeira, Maria Lúcia Dahl, Joseph Guerreiro, Milton Gonçalves, Hugo Carvana

Sinopse: Miguel Horta, jovem deputado da oposição, decide mudar de partido para se infiltrar no governo, pois julga que só pode fazer algo pela causa pública se estiver no poder. Um dia recebe a visita de um cabo eleitoral dizendo que "pelegos" estão tentando derrubar a diretoria do sindicato, devido a um projeto de lei de sua autoria. Apesar dos apelos de Clara, sua mulher, Miguel vai para o sindicato, onde os trabalhadores estão reunidos em assembleia geral. Quando o presidente do sindicato consegue administrar a situação, Miguel faz um discurso narrando sua trajetória política e confessando sua incapacidade em defender os sindicalizados.

 

16h30, na Oscarito: A falecida

Brasil (RJ) 1965 85 min P&B 12 anos

Direção: Leon Hirszman

Elenco: Fernanda Montenegro, Paulo Gracindo, Ivan Cândido, José Wilker

Sinopse: Zulmira é uma mulher que vive uma vida simples em um subúrbio do Rio de Janeiro. Por todas as dificuldades que enfrenta, ela sonha ter um enterro luxuoso. Porém, ao saber que tem boa saúde, fica abalada e morre de tuberculose. Para realizar seu sonho, o marido pede dinheiro a Guimarães, o homem mais rico do bairro, o qual não concorda em pagar e conta que teve um caso com a falecida, sem saber que está falando com o viúvo.

 

18h10, na Oscarito: Os herdeiros

Brasil (RJ) 1969 95 min Cor 12 anos

Direção: Cacá Diegues

Elenco: Sérgio Cardoso, Paulo Porto, Isabel Ribeiro, Mário Lago

Sinopse: Um fazendeiro, barão do café de São Paulo, se vê à beira da falência. Para salvar parte de seus bens, provoca o casamento de sua única filha com Jorge Ramos, um jornalista que fugira da cidade por motivos políticos. Após a mudança de governo, com a queda de Vargas no pós-guerra, Ramos retorna à cidade e se transforma, aos poucos e às custas de constantes traições, em um político poderoso. Até que seu próprio filho vinga suas vítimas e passa a lutar contra o pai, provocando sua queda.

 

DOMINGO, 18 DE FEVEREIRO

16h, na Oscarito: Pindorama

Brasil (RJ/SP) 1971 80 min Cor 14 anos

Direção: Arnaldo Jabor

Elenco: Maurício do Valle, Ítala Nandi, Jesus Pingo, Hugo Carvana, José De Freitas, Wilson Grey, Vinícius Salvatori

Sinopse: Assim que abandonou a cidade que ele próprio criou, Dom Sebastião testemunhou a queda do vilarejo que lutou para erguer, Pindorama, nas mãos de autoridades corrompidas pelo dinheiro e pelo poder. De volta à Portugal, Dom Sebastião recebe a missão, dada diretamente pelo rei, de retornar à Pindorama e retomar a cidade, pela paz ou pela guerra.

 

17h30, na Oscarito: Sagrada família

Brasil (RJ) 1970 81 min P&B 14 anos

Direção: Sylvio Lanna

Elenco: Wanda Maria Franqueira, Milton Gontijo, Maria Olívia, Paulo César Peréio, Teresinha Soares, Nelson Vaz

Sinopse: Uma família burguesa composta de quatro integrantes. Ao longo da viagem, vão se desfazendo de seus bens materiais e de sua história. Conduzidos pela mão de um guia, levam uma arma e uma caixa de balas de festim. O guia as troca por balas verdadeiras, fazendo com que os integrantes da família sejam eliminados um a um, sempre sob sua ação malévola.

 

19h, na Oscarito: Matou a família e foi ao cinema

Brasil (RJ) 1969 64 min P&B 18 anos

Direção: Júlio Bressane

Elenco: Antero de Oliveira, Márcia Rodrigues, Renata Sorrah, Vanda Lacerda, Paulo Padilha, Rodolfo Arena, Carlos Eduardo Dolabella, Guará Rodrigues

Sinopse: Manchetes de jornais em forma de colagem e crônica policial numa luta com a realidade e com a linguagem: um rapaz da classe média mata a navalhadas o pai e a mãe e vai assistir ao filme "Perdidas de amor"; um homem mata uma mulher por amor; duas jovens se amam e uma delas mata a mãe que as critica; marido mata a mulher que reclama das dificuldades financeiras, etc.

 

QUARTA-FEIRA, 21 DE FEVEREIRO

 

18h, na Oscarito: A margem

Brasil (SP) 1967 96 min P&B 14 anos

Direção: Ozualdo Candeias

Elenco: Mário Benvenutti, Valéria Vidal, Bentinho, Lucy Rangel, Telé, Karé, Paula Ramos, Brigitte, Ana F. Mendonça, Paulo Gaeta e Nelson Gasparini

Sinopse: Inspirado em acontecimentos reais publicados em jornais populares, o filme aborda o dia a dia da população pobre que vive às margens do rio Tietê, sob o ponto de vista de quatro personagens. Eles observam uma mítica mulher que desce o rio em uma canoa.

 

20h, na Oscarito: Desesperato

Brasil (RJ) 1968 100 min P&B 14 anos

Direção: Sergio Bernardes Filho

Elenco: Raul Cortez, Marisa Urban, Norma Bengell, Mário Lago, Nelson Xavier

Sinopse: O filme conta a história do escritor Antônio de Medeiros, que sai para pesquisar a literatura nas "zonas negras" do terceiro mundo. Na sua volta encontra uma estrutura arcaica (familiar, social) que não pode suportar. Sai de casa rompendo essa estrutura e vai ao encontro dos revolucionários.

 

QUINTA-FEIRA, 22 DE FEVEREIRO

16h40, na Grande Otelo:

Maioria absoluta

Brasil (RJ) 1964 18 min P&B Livre

Direção: Leon Hirszman

Sinopse: Estatísticas, entrevistas e informações históricas sobre a problemática do latifúndio na estrutura agrária brasileira. Depoimentos de camponeses e imagens do Palácio do Planalto, Congresso Nacional em Brasília e a alfabetização pelo método Paulo Freire.

A entrevista

Brasil (RJ) 1966 20 min  P&B 14 anos

Direção: Helena Solberg

Elenco: Glória Mariani

Sinopse: O filme é o resultado de entrevistas realizadas com várias mulheres entre 19 e 27 anos de idade da classe média alta carioca. As entrevistadas falam sobre casamento, sexo, virgindade, fidelidade, felicidade, trabalho e os papéis sociais que são atribuídos ou impostos às mulheres.

BlaBlaBla

Brasil (SP) 1968 28 min P&B 14 anos

Direção: Andrea Tonacci

Elenco: Neville D'Almeida, Paulo Gracindo, Nelson Xavier

Sinopse: As tensões vividas por três pessoas diferentes durante a ditadura militar no Brasil: um político, um revolucionário e um cidadão comum. A realidade impõe-se frente à ficção presente no longo pronunciamento do ditador.

 

18h30, na Grande Otelo: Curso | aula 3

 

20h, na Oscarito: Jardim de guerra

Brasil (RJ) 1969 90 min P&B 16 anos

Direção: Neville de Almeida

Elenco: Joel Barcellos, Maria do Rosário Nascimento e Silva, Vera Brahim, Carlos Guimas, Jorge Mautner, Hugo Carvana

Sinopse: A paixão pela famosa atriz Maria do Rosário tira o jovem Edson de um estado mental de letargia e marasmo. Entusiasmado, o jovem decide seguir o grande sonho de se tornar um cineasta. No entanto, a questão financeira se torna um grande empecilho.

 

SEXTA-FEIRA, 23 DE FEVEREIRO

16h15, na Grande Otelo: O Bandido da Luz Vermelha

Brasil (SP) 1968 92 min P&B 16 anos

Direção: Rogério Sganzerla

Elenco: Paulo Villaça, Helena Ignez, Luiz Linhares, Sérgio Hingst

Sinopse: Marginal paulista coloca a população em polvorosa e desafia a polícia ao cometer os crimes mais requintados. Conhece a provocante Janete Jane, famosa em toda a Boca do Lixo, por quem se apaixona. Ela o delata, provocando o seu suicídio.

 

18h30, na Grande Otelo: Curso | aula 4

 

19h45, na Oscarito: O jardim das espumas

Brasil (RJ) 1970 107 min P&B 16 anos

Direção: Luiz Rosemberg Filho

Elenco: Sônia Andrade, Alvim Barbosa, Roberto de Cleto, Fabíola Fracaroli, Getúlio Ferreira Haag, Labanca, Nildo Parente

Sinopse: Um planeta extremamente pobre, dominado pela irracionalidade e opressão, recebe a visita de um emissário dos planetas ricos, interessado em acordos econômicos. Antes de se encontrar com o governante, ele é sequestrado pela facção contraditória do sistema, o oposto de tudo aquilo que é dito oficialmente.

 

SÁBADO, 24 DE FEVEREIRO

16h, na Oscarito: Caveira My Friend

Brasil (RJ) 1970 84 min P&B 16 anos

Direção: Alvaro Guimarães

Elenco: Manoel da Costa, Maria da Conceição Senna, Gó Muniz, Sônia Dias, Paula Martins, Orlando Senna, Ivan Reis

Sinopse: A partir da ação de um grupo de assaltantes, o diretor costura cenas que propõem a iconoclastia e o desbunde como formas de contestação à opressão da ditadura militar.

 

17h35, na Oscarito: Viagem ao fim do mundo

Brasil (RJ) 1968 95 min P&B 16 anos

Direção: Fernando Coni Campos

Elenco: Joel Barcellos, Esmeralda Barros, Fernando Coni Campos, Talulah Campos, Walter Forster, Annik Malvil, José Marinho, Karin Rodrigues, Joffre Soares

Sinopse: Enquanto aguardam a chamada para o embarque, os personagens são apresentados: uma modelo de publicidade, um time de futebol com seus jogadores e dirigentes, um homem de meia-idade visivelmente nervoso com os possíveis perigos da viagem, duas freiras e um rapaz que, na banca de jornal, procura o que levar para ler durante o voo. Este jovem encontra, entre romances de aventuras e policiais, uma edição de bolso de “Memórias póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis. Ao longo do trajeto, surgem vários conflitos individuais dos passageiros do avião. Entre eles, ganha importância o de uma das freiras, em que o individual e o coletivo se chocam.

 

DOMINGO, 25 DE FEVEREIRO

 

15h, na Oscarito: Audácia!

Brasil (RJ/SP) 1970 81 min P&B 16 anos

Direção: Carlos Reichenbach, Antônio Lima

Elenco: Jorge Bodanzky, José Mojica Marins, Letácio Camargo, Maurice Capovila, José Carlos Cardoso, Francis Cavalcanti, Zilda Cheneme, Maurício do Valle, Maria Joaquina, Bill Foster, Ney Latorraca, Marco Antônio Lellis, Julia Miranda

Sinopse: Filme dividido em três episódios, primeiro é o "Prólogo": entrevistas e cenas com alguns dos mais importantes cineastas da Boca do Lixo de São Paulo. No seguimento "A badaladíssima dos trópicos x Os picaretas do xexo": as peripécias de uma conturbada produção cinematográfica ficcional. Já em "Amor 69": A atriz Maria Vargas deve aparecer nua em uma cena, mas acaba se recusando a fazê-lo.

 

16h30, na Oscarito: República da traição

Brasil (SP) 1969 80 min Cor/P&B 14 anos

Direção: Carlos Ebert

Elenco: Vera Barreto Leite, Nadine Verne, Antonio Pedro, Zózimo Bulbul, Roberto Bonfim, Selma Caronezzi, Divaldo Chang, Cláudio Mamberti, Antonio Pitanga, Almir Ribeiro, Benê Silva

Sinopse: Um casal chega à República de Maraguaya para montar um aparelho de guerrilha, com o intuito de desestabilizar o governo. Mas ao procurar apoio na população local, eles são delatados e torturados barbaramente. O marido falece nas mãos de seus torturadores, enquanto a esposa consegue sair com vida, mas marcada para sempre.

 

18h, na Oscarito: Hitler IIIº Mundo

Brasil (SP) 1968 70 min P&B 16 anos

Direção: José Agrippino de Paula

Elenco: Jô Soares, José Ramalho, Eugênio Kusnet, Luiz Fernando de Rezende, Túlio de Lemos, Silvia Werneck, Maria Esther Stockler, Ruth Escobar

Sinopse: Paranoia, culpa, desejo frustrado, miséria e tecnologia no país subdesenvolvido. Narrativa fragmentária, enquadramentos distorcidos, gritos e ruídos. O nazismo toma conta da cidade de São Paulo: prisão e tortura de revolucionários, um samurai perdido no caos, amantes trancafiados, o ditador e sua corja de bárbaros conservadores.

 

Notícias relacionadas